sexta-feira, novembro 28, 2008

Sùbitamente um grave acento

Mas quem diabo se lembra de pôr um acento grave na palavra "subitamente"?

(In Jim botão e os 13 selvagens; Michael Ende; Editora Meridiano Limitada, 1967).

"Limitada" indeed.subitamente
Posted by Picasa

terça-feira, novembro 25, 2008

Maxton

Apareceu-me não sei donde um browser chamado Maxthon.
Até agora é o melhor que vi (e já os vi todos).

---

Pois, são todos muito bons... durante 10 minutos. Depois lá tenho que regressar ao velhinho IE.
(O IE 8 também é assim e já tive de o desinstalar).

sexta-feira, novembro 21, 2008

Sopa de cocó

Acabei de receber um telefonema da escola É o papá da menina? Sim, sim. já lívido que só penso em desgraças É para vir buscar a menina ao meio-dia que hoje não damos almoço Então que é que se passa? Os colegas vão fazer greve. Está bem. Obrigado, já feliz da vida por não ser nada.
(Ontem estive a ler duas frases do Saramago).

Moral da história: a feiarrona da senhora ministra da Educação teve o azar, sabe Deus porquê, de inspirar os professores. Estão acesos. Têm fogo no rabo. Andam radiantes.
Quer isto dizer que se sentem felizes, bonitos, novos, membros, refocilados em cada round desta 'luta' sobre a avaliação. A única maneira de conseguir que o povo faça alguma coisa é inspirando-o.
A senhora ministra conseguiu a grande magia de inspirar os professores. Infelizmente inspirou-os na direção contrária ao que pretendia. Acabou. Quando as pessoas estão inspiradas nem sopa de cocó(1) e torturas medievas as demovem quanto mais umas alegres passeatas com os colegas que depois se podem ver na TV e tudo. E se por acaso começarem a cair-lhes umas bastonadazitas, óh, felicidade!
---

(1): do relato dos tibetanos resgatados (pela senhora Mitterrand et all) que estive a ver na TV, há dias.

quarta-feira, novembro 19, 2008

Sem concurso nem avaliação (e muito menos responsabilidade)

Estive a ler um artigo do Rui Sá (http://fyad.org/ws6m - carreguem na página que ele aparece) e há duas coisas que me desagradam: o ter usado "organigrama" em vez do correcto "organograma":


onde colocou esse quadro técnico que, aos olhos de todos, é o verdadeiro
presidente do conselho de administração, embora tenha um contrato de avença (o
que anula, naturalmente, a sua responsabilização pelos actos de gestão da
empresa) e ocupe uma posição de staff no respectivo organigrama.

e a de não ter feito nada perante o ilegal silêncio que obteve em resposta ao seu pedido:

(não obstante ter sido pedido, há mais de dois anos e ao abrigo da
lei, cópia deste contrato, a verdade é que Rui Rio, que tinha 15 dias para
responder, nunca o forneceu).
(O que eu quero, como já perceberam, é apenas fazer eco de mais esta feliz história.
Sim, feliz, claro!: 12 500 € por mês e etc. bate aos pontos casar e ter muitos filhinhos).

terça-feira, novembro 18, 2008

Aminoacid composition of 11 edible mushroom

A comparative study on the amino acid composition of 11 wild edible mushroom species

was developed. Twenty free amino acids
aspartic acid
glutamic acid
asparagine
glutamine
serine
threonine
glycine
alanine
valine
proline
arginine
isoleucine
leucine
tryptophan
phenylalanine
cysteine
ornithine
lysine
histidine
tyrosine
were determined.
Boletus edulis and Tricholoma equestre were revealed to be the most nutritional species, whereas Fistulina hepatica was the poorest.
The quantification of the identified compounds indicated that, in a general way, alanine was the major amino acid.
The results show that the analyzed mushroom species possess moderate amino acid contents, which may be relevant from a nutritional point of view because these compounds are indispensable for human health.
A combination of different mushroom species in the diet would offer good amounts of amino acids and a great diversity of palatable sensations.
---
"Palatable sensations"!!!
Simplórios.

domingo, novembro 16, 2008

-Sexo? -Outro.

sexo?


aqui disse como se deve responder se alguém nos pergunta se somos um deus.

Mike Meyers já ensinou como se responde à pergunta "sexo?": "yes, please." Está bem mas há uma excepção: se forem os anormais que controlam a porcaria da wikipedia a perguntar "sexo?" a resposta é "outro".

sábado, novembro 15, 2008

This is not America

Um grupo de ignorantes alheados da realidade decidiu alegremente "de que" (valha-nos Deus) ía meter o primeiro-ministro, Sócrates, em tribunal. Parece que se sentem 'injuriados e ofendidos' com 'as declarações' que o primeiro-ministro tem vindo a fazer.
Devem julgar que estamos na California ou assim.
---

O respeito não se pode exigir: tem de se ganhar.
---

Os professores parecem aceitar bem a 'avaliação' desde que esta não tenha quaisquer consequências!
---

A equidade da avaliação é o único motivo válido de discussão.

terça-feira, novembro 11, 2008

Troçada?!

"Disse também, que a vítima pegou num pau e "deu-lhe uma troçada no braço e disse ainda meu filho da puta que agora sempre vais".

in: http://fyad.org/wrim

sexta-feira, novembro 07, 2008

O propósito da Vida

Aparentemente todos os seres vivos têm a mesma ambição: reproduzirem-se ad infinito até conquistarem todo o planeta.

(O propósito da Vida (?) é por si só tão misterioso como o seu surgimento)
http://www.youtube.com/watch?v=5o2J2fI59so

(Nada disso, dirão outros. Cada espécie tem de encontrar o ponto de equilíbrio, sob a alçada da Seleção Natural, para a sobrevivência. Não querem dominar, querem apenas sobreviver. Nunca há excesso na estratégia de sobrevivência das espécies. Apenas necessidade.)

Eu digo que não há nenhum sistema de controlo limitador na Seleção Natural.

Please wait while we make your baby!


http://www.luxand.com/babymaker/

segunda-feira, novembro 03, 2008

O maior ordenado do Regime

O governador do Banco de Portugal é um homem 100 % honesto.
Com esta história do BPN, começo a ver que há jornalistas a criar as confusões do costume. E, coisa mais estúpida e injusta não pode haver, começam a criar dúvidas sobre a honestidade e seriedade do governador. Idiotas.

Os homens que têm tudo o que alguma vez sonharam e mais - os homens felizes - são sempre honestos.

O problema não é isso. Como já aqui disse, de muitas formas, o que se passa com o senhor governador e outros como ele (há muitos outros em situações parecidas) é que são vítimas de projecções mitológicas da populaça. Fazem deles deuses(1), atribuiem-lhes capacidades de super-heróis e, coitados, não só nunca as tiveram como a cada dia que passa, com o alzheimer e tantas outras maleitas da velhice, têm diminuídas as verdadeiras. O rei vai nu.
É só isso, apenas isso, nada mais do que isso.

E como é provável e compreensível que tenham acabado por acreditar eles próprios nessas extraordinárias capacidades (e para isso bastam simples imperativos morais para auto-justificar tais ordenados e conseguirem dormir descansados) precisam mais de ajuda do que de castigo.


---
(1): Quando alguém nos pergunta se somos um deus a resposta é, já se sabe, "sim"!

sábado, novembro 01, 2008

Do arquivo de 2006

Justiça social

Entre parvoíces várias li num blogue que há pessoas que acreditam que uma espécie de selecção natural nos garante, vou dar um exemplo, que o director de programas da TVI é a pessoa mais apropriada e capaz para o lugar e que ganha assim a vida não por dinâmicas contingências mas porque existe uma força justiçeira que ordena o caos social de modo a que cada um acabe no sítio certo.
Nero era assim com certeza o homem mais apropriado para governar Roma e Hitler dirigiu a Alemanha porque naquela altura não havia ninguém melhor do que ele para o fazer.
Bush, vê-se bem, é o mais qualificado americano que lá têm.
O bom aspecto, as boas maneiras, a inteligência superior e o refinado sentido de humor são, evidentemente, as razões para ser aquele o apresentador do Preço Certo.

Os narizes foram feitos para usar óculos. Por isso usamo-los. As pernas destinam-se claramente ao uso de calças. Por isso as vestimos.

E todos os génios que passaram fome e foram miseráveis na altura em que outros, fazendo as mesmas coisas, apodreciam de riquezas e honrarias, não são senão bons exemplos dessa selecção justiçeira.
Lavoisier, o melhor cérebro que a França alguma vez teve, viu-se sem ele por ordem de quem sabia o que estava a fazer pois não é possível chegar a ter esse tipo de poder sem que seja por qualidades pessoais inultrapassáveis.
Todos sabemos que são sempre eleitos para os cargos de chefia os que têm mais capacidade, mais ideias e nunca os patetas alegres que todos sabem inofensivos.
(Mesmo que assim fosse não ficaríamos melhor: continuaríamos a ser chefiados por incompetentes pois todos iriam sendo justamente promovidos na hierarquia até ao seu nível de incompetência).
Nem tudo é mau: pelo menos pode deduzir-se que quem assim pensa não foi abusado sexualmente pelo bispo da paróquia. Mas é suficientemente estúpido e injusto para pensar que quem teve outra sorte, era porque na altura não havia ninguém melhor para ser bispo do que um pedófilo sociopata. Só com muito Prozac se pode ver assim o mundo.

Não saberão, óh santa ignorância, que quando há um homem no sítio certo o mundo pula de contente, as estrelas brilham mais e que se ouvem os anjos tocar trompetas?

Victor Borge

Há muitos anos que eu estranhava ninguém aparecer a ocupar o nicho de comédia musical deixado por Victor Borge.
http://www.youtube.com/watch?v=Xui7x_KF7bY&feature=related

Falta-lhes bom gosto e encanto mas quem sabe...?

Hã, e é assim que deve soar um violino: