sexta-feira, março 25, 2011

Compras

Mais 2 Zhu Zhu pets!

Order Reference: 303281820705

Your total bill is € 14,62

quarta-feira, março 23, 2011

Compras

Chegou a cana Nanoflexx, no dia dos meus anos! Parece bem.
Quem tem uma cana com nanofibras de basalto? Moi.

A minha é esta:

quinta-feira, março 17, 2011

Exorcismos

Na linha do genialíssimo Achmed, The Dead terrorist (130 680 851):

quarta-feira, março 16, 2011

Compras


4,88 €

Esquecia-me de pôr os Sea Lures.

Não prestam.




Compras

Linha de pesca.
9,85 €
Também vem uma cana a caminho, espero eu. Especial de corrida: com nanofibras de basalto.

terça-feira, março 15, 2011

Xaber xei, ma num digo!

Exmo(a). Senhor(a)




Na sequência da mensagem de V. Exa., a qual mereceu a nossa melhor atenção, cumpre-nos informar que a Agência Portuguesa do Ambiente não dispõe da informação solicitada.



A Agência Portuguesa do Ambiente mantém-se ao dispor para quaisquer esclarecimentos adicionais.



Com os melhores cumprimentos.

Pela Agência Portuguesa do Ambiente

Lígia Varandas













De: Conceicao Fonseca [Conceicao.fonseca@sg.maot.gov.pt]

Enviado: quinta-feira, 24 de Fevereiro de 2011 23:50

Para: Geral APA

Cc: acercadomundo@gmail.com

Assunto: FW: antenas

Exm.º/ª Senhor/aProcedo ao reencaminhamento da mensagem de correio electrónico recebida nesta Secretaria-Geral sobre o assunto em epígrafe, na expectativa de que possam dotar o particular com a informação pretendida.Com os melhores cumprimentos,Conceição Fonseca

Enviada para:Agência Portuguesa do Ambiente (APA)Rua da Murgueira, 9 – 9A - Zambujal 2610-124 AMADORAou Apartado 7585 Alfragide 2611-865 AMADORATel.: 214 728 200 / Fax: 214 719 074geral@apambiente.pthttp://www.apambiente.pt



Maria da Conceição FonsecaDirectora de Serviços de Documentação, Comunicação e Relações PúblicasSecretaria-Geral do Ministério do Ambiente e do Ordenamento do TerritórioRua de “O Século”, 51-4.º 1200-433 Lisboa T. +351 213 231 516 I F. +351 213 231 571conceicao.fonseca@sg.maot.gov.ptwww.sg.maot.gov.pt



De: acercadomundo@gmail.com [mailto:acercadomundo@gmail.com]

Enviada: segunda-feira, 21 de Fevereiro de 2011 22:53

Para: Relações Públicas SGMAOT

Assunto: antenas

Exmos Srs,



Gostaria de saber se há planos para as antenas antigas, obsoletas a partir de maio de 2012.



respeitosamente

xxxxxxxxxx

sexta-feira, março 04, 2011

Compras

A pedido de outrem.

Vamos ver se não acontecesse como à Lomo Aquatic.
~ 20 €.

RAP

Robalo
Até o RAP já acusa a fatal lisboetice  de não ser capaz de montar uma frase coerente. (Em Lisboa, utiliza-se para comunicar uma espécie de linguajar baseado no Português - mais parece um lúdico exercício mental - cuja principal característica é a interdição do uso de frases, sem contudo evitar que os receptores entendam a mensagem).
No conceito de frase, o mais importante não é o "expressar uma ideia" - isso qualquer criatura faz - mas sim a "concordância imposta" (pelas regras da língua).
O problema de ser capaz de expressar uma ideia ou intenção tem infindáveis soluções. Uma delas é a utilização de uma língua. Dentro desta solução o modo mais elegante, vá!, é o da utilização de frases.
Em Lisboa é practicamente proibida a utilização de frases.

Curioso: reparo o quão tacanha e errada é a definição de frase que se encontra numa procura superficial.
"Frase é todo enunciado linguístico capaz de transmitir uma ideia."
À letra, o linguajar lisboeta parece ficar justificado.
Os autores desta idiotice devem ter pensado em subdivisões,em tipos de frases: frase correcta; frase incorrecta...
Isto não é, nem de longe, o caminho para a definição de frase.


Ainda assim, RAP não perde a graça:
Talvez tenham sido tomados pela perplexidade de ver, com pressa de ir ao médico, um homem cuja dieta, toda à base de robalos, não faria prever a existência de problemas graves de saúde.
RAP, Visão, 3 de março de 2011