Thursday, June 19, 2008

smoking around

É nestas alturas que eu tenho pena de não ter milhares de visitas: talvez alguém me pudesse elucidar.

Queriam 64 € (sessenta e quatro euros) para desalfandegar os cigarros que me custaram 15 € (mais 10 € de envio, 25 €).
Vejam lá bem se não é de dar em terrorista! Estão a ver: um imposto sobre consumo - o que já é, só por si, razão bastante para ser revolucionário - no valor de 427 %! - cabum! bang! pum!
No cu!

2 comments:

  1. Devido ao constante tráfico de discos em que sempre andei envolvido, a alfândega é um dos meus ódios de estimação.

    Calcula que mesmo quando me desloco até eles para reaver os meus bens preciosos me obrigam a pagar uma taxa correspondente à entrega em mão pelo carteiro em minha casa.

    Depois admiram-se que as pessoas fujam do fisco e afins!

    ReplyDelete
  2. Anonymous12:30 PM

    discos (de que país vêm?) também?! Então a cultura...?! :-)

    Apesar de abominar a ideia de impostos sobre o consumo, estava, é claro, dispostíssimo a pagar e foi com essa intenção que me dirigi aos correios. Mas não 400 %! Isso não é pagar imposto. É virarmo-nos, baixar as calças e vergarmo-nos à sodomia.
    gpc

    ReplyDelete

Exprima-se livremente!