quarta-feira, março 26, 2014

Eu cá fico

Quando te vi engracei
o teu corpo admirei
eu cá fico apaixonado.

Que loucura fútil, vã!
e dizes-me sempre "amanhã!"
resta-me tocar o fado.

Nada disto acontecia
se não fosse essa mania
que tu tens de não me ver.

Eu cá fico no meu canto
a curtir o desencanto
a cantar e a sofrer.

Vá lá! deixa-me em paz
vai fazer o que te apraz
eu cá fico desgraçado.

Só me queres martirizar
para me ouvires cantar
o fado do embeiçado.

E se bem que eu gosto disso
vou descobrir um feitiço
eu cá fico a magicar.

No modo de conseguir
cantar-te, mas sem sentir
que me estou a desgraçar.

---

É uma letra de fado, pois então!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Exprima-se livremente!