sábado, maio 24, 2014

Mustang

Ao olhar para a televisão vi surgir um carro vermelho. "Agora a Ferrari também faz publicidade?!" - pensei eu que não gosto de Ferraris.
"Não é feio" - tive de aceitar, eu que não gosto de Ferraris. 
É um Ford. 


Este, provavelmente o carro mais bonito que existe, só precisa de tirar aquele incompreensível risco a cortar o mustang. Como é possível fazer uma obra-prima destas, capaz de fazer inveja ao Miguel Ângelo, e pregar-lhe com um risco daqueles sobre o símbolo?! Deve ser o cavalo a cortar a meta ou a puta que os pariu. Mas não me admiro que tenham pensado "chegamos à meta" ao ver a Obra.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Exprima-se livremente!