segunda-feira, agosto 19, 2013

Portugal, país deprimente

Neste país de parolos, analfabetos, gatunos e anormais, do qual estou cheio até aos olhos, o preço das coisas que põem à venda na Internet é "sob orçamento".
Se isto fosse um filme, levantava-me e saía a meio.

E aos parvos que continuam a vociferar contra o acordo ortográfico, quero dizer: ainda não repararam que anda tudo a falar e escrever brasileiro?


Encontrei no facebook uma página que, sem pejo, ilustra bem o povo português.




Sem comentários:

Enviar um comentário

Exprima-se livremente!